O Brasil da impunidade

Um homem sem impedimento moral,
sem pudores, disposto a tudo para enriquecer. O Brasil da promiscuidade, do tráfico de influências, da corrupção impune. Por duas décadas, o casamento perfeito. Mesmo num país onde a corrupção é endêmica, ninguém se mostrou tão apaixonadamente entregue
à tarefa de dilapidar o erário quanto o
ex-governador do Rio, Sérgio Cabral Filho.

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER

Seja o primeiro a ficar sabendo de todas as novidades da Tordesilhas!

Autor de seis livros, incluindo a biografia do jogador Sócrates e do jornalista Tarso de Castro, TOM CARDOSO fez uma apuração rigorosa, reconstruindo os bastidores de um dos maiores esquemas de corrupção já montados no país.

Um livro sobre a arrogância, a vaidade, o exagero.

Um retrato do Brasil da corrupção impune.

As alianças do ex-governador do Rio com as esferas mais poderosas do país, a rede de cooperação entre os partidos que destruíram o Rio e assaltaram o país – os políticos que durante 20 anos desfrutaram da vantagem suprema de não prestar contas, de estar acima das leis e fora do alcance da polícia e da Justiça.

No livro, Anthony Garotinho dá a primeira entrevista sobre a “Farra dos Guardanapos”, revelando quem foi o responsável por vazar as fotos da homenagem que Sérgio Cabral organizou para si mesmo em Paris, levando uma comitiva para o jantar que entrou para os anais do espanto nacional como a “Farra dos Guardanapos”.

O autor entrevistou os envolvidos com a organização do luxuoso casamento de Cabral e Adriana no Copacabana Palace, em 2003. Por escolha do noivo, o casamento passou de 300 para quase mil convidados. Cabral, que chegou a encomendar, entre outros luxos, três mil dúzias de rosas vermelhas, gastou o que foi preciso e pagou a festa com a grana da primeira conta secreta aberta no exterior, no Israel Discount Bank. Foi no casamento que o então deputado Michel Temer apresentou pela primeira vez em público a bela Marcela, a nova namorada de 20 anos.

Uma das ex-namoradas de juventude Cabral narra um encontro com o deputado em ascensão no começo dos anos 1990, ocorrido numa suíte do Copacabana Palace. Então chamado de “O Príncipe das Aposentadas”, pelo seus projetos em defesa dos aposentados, e também conhecido pelas pautas moralizantes na Assembléia do Rio, Cabral surpreendeu a ex-namorada, que não o via havia mais de dez anos e se assustou com o estilo bufão e deslumbrado do deputado, que propôs um encontro no Copacabana Palace. Cabral chegou de chofer, cheio de pompa, e ainda abriu uma lata entupida de maconha, algo raro na espartana juventude, quando eram obrigados a dividir o mesmo baseado na roda de amigos.

Visite nossas redes sociais

Todas as suas informações pessoais recolhidas, serão usadas para o ajudar a tornar a sua visita no nosso site o mais produtiva e agradável possível. A garantia da confidencialidade dos dados pessoais dos utilizadores do nosso site é importante para o Alaúde Editorial Ltda. Todas as informações pessoais relativas a membros, assinantes, clientes ou visitantes que usem o Alaúde Editorial Ltda serão tratadas em concordância com a Lei da Proteção de Dados Pessoais de 26 de outubro de 1998 (Lei n.º 67/98). A informação pessoal recolhida pode incluir apenas o seu nome, o seu e-mail e o seu IP. O preenchimento e envio deste formulário pressupõe a aceitação deste Acordo de privacidade. A equipa do Alaúde Editorial Ltda reserva-se ao direito de alterar este acordo sem aviso prévio. Deste modo, recomendamos que consulte a nossa política de privacidade com regularidade de forma a estar sempre atualizado.

Política de privacidade

Copyright © 2018 Tordesilhas Livros, Tom Cardoso.